sexta-feira, abril 28, 2006

Três dias de mimo intensivo.... Ui, que bom!



O fim-de-semana chegou e com ele a visita dos meus tios! Já ouvi dizer que vêm por aí prendinhas!!! Ai que bom!!! Isto é só mimo aqui por estes lados!!!
Fim-de-semana é sinal de passeio (para não variar!) e de ter os papás só para mim!!! Sabe muito bem!!! Eles brincam o dia todo comigo, enchem-me ainda mais de miminhos bons e deliciam-se com as minhas novas descobertas e proezas! Adoro o fim-de-semana, sobretudo quando são prolongados!!!

Ontem fui jantar a casa do meu amigo Gonçalo! Para quem o visita regularmente, sabe que ele e os papás estão de férias! E sabem que mais? Ele está o máximo, muito giro e “manhosito”, só queria tirar-me a chupeta da boca (Oh Gonçalo, eu gosto muito da chuchinha!!!) e claro, andava sempre atrás da mãe!

Quem sabe se será para a semana que vou ter um post intitulado “O meu primeiro dentinho”? Quem sabe…. Mas de uma coisa eu tenho a certeza, eles andam por aí!!!

Beijoquitas fofas e um óptimo fim-de-semana!

quinta-feira, abril 27, 2006

Iupi!!! Vamos passear!!!



Adoro passear!!! Sobretudo neste dias solarengos, onde o sol aquece e andamos todos mais animados! Foi isso que aconteceu no feriado: um dia quente, bem recheado de sol e de boa disposição! Nada melhor que passear para aproveitar este dia da melhor forma!
Por isso, fui com a mamã e o papá a Tavira à Feira da Serra! Estava lá imensa gente e eu, toda contente a passear no colo da mãe (sim, porque estava demasiado calor para estar no ovinho) e a olhar para tudo e para todos com os meus olhinhos curiosos! Encontrámos lá muita gente conhecida e aproveitámos para ir visitar o meu bisavô! Aqui estou eu toda airosa e bem-disposta a passear junto ao Rio Gilão! Que divertido!

Pssiu... Os dentinhos devem estar a aparecer… para além da gengiva estar bem grossinha, já se notam umas coisitas brancas!!! Devem estar para breve!!!

segunda-feira, abril 24, 2006

Fim de semana animado!


Este fim-de-semana fiz a minha primeira visita cultural! Os papás adoram passear e eu muito me engano ou já me pegaram o bichinho! Ontem fui passear com eles para um local muito bonito, Belém! Depois de um sábado chuvoso, nada melhor que uma manhã de domingo solarenga. Fiquei encantada com a fonte luminosa da Praça do Império. Os meus olhos brilhavam e sorriam perante o espectáculo das águas. De seguida fui visitar o Mosteiros dos Jerónimos, um edifício muito bonito cheio de ornamentos muito giros, dá vontade de os “arrancar” e brincar com eles. As cordas, as conchas, os búzios, os animaizinhos… é muito bonito! O meu papá disse-me que estes “brinquedos” são do estilo manuelino, não percebi muito bem o que ele quis dizer com isso… Nos jardins havia muitos meninos a brincar. Quando eu for mais crescida quero ir para lá muitas vezes brincar, correr, andar de bicicleta, de patins…

Beijoquitas!!!

quinta-feira, abril 20, 2006

Reencontro


Ontem foi um dia muito especial: tive a visita do meu amigo Bruno! Já vos tinha falado em post’s anteriores do meu coleguinha de incubadora! Está simplesmente lindo!
Adorei voltar a vê-lo!!! Foi tão divertido: brincámos juntos no parque e partilhámos bonecos, puxámos os babetes um do outro, eu queria comer a roupa dele e ele a minha, fizemos festinhas reciprocamente, rimos e falámos imenso (tantos Brr’s e Agui’s…afinal, tínhamos de colocar a conversa em dia, pois já não nos víamos desde o dia em que ambos tivemos alta da Unidade de Neonatologia) e fomos a delícia dos nossos papás!
A mamã também estava super feliz por rever o Bruno e a sua mãe e por saber que está tudo bem com ele!!! Tinha sonhado a noite toda comigo e o Bruno e andava super entusiasmada desde 2ª feira, dia em que a mãe do Bruno telefonou a dizer que vinha a Portugal de férias por uma semana! Estava mesmo contente por nos irmos reencontrar!
Não tenho qualquer dúvida que as nossas mães vão manter o contacto telefónico mensal para saberem novidades nossas e, em princípio, o próximo encontro será para o ano, quando eles regressarem a Portugal! A não ser que os papás queiram ir comigo a Paris ainda este ano… Talvez!

É tão bom rever as pessoas por quem temos um carinho especial, não é?

Boa viagem de regresso a França, Bruno e papás!

quarta-feira, abril 19, 2006

Desafio

A mãe do meu amiguinho Gonçalo lançou um desafio à minha mamã, o qual ela aceitou de imediato! Então aqui vai:


1- O que estava a fazer a 10 anos atrás...
Estava no 12º ano a estudar para entrar na faculdade.

2- O que estava a fazer no ano passado...
A viver o momento mais feliz da minha vida: a gravidez!

3- Snack's de que gosto...
Geladinhos, bolinhos, mas agora não pode ser nada… I’m on diet!!!

4-Musicas que conheço de cor...
Cada lugar teu – Mafalda Veiga
Sei mais, mas agora não me lembro de mais nenhuma

5-Cinco coisas que faria de fosse milionária...
Construía a casa com que sempre sonhei
Dedicava-me a 100% à minha filhotinha
Tinha mais 4 filhos (e adoptava mais 4)
Viajava (muito!)
Comprava o meu Jeep Grand Cherokee bordeaux e com estofos em pele de cor bege

6- Cinco coisas que gosto de fazer...
Encher a Matilde de miminhos
Namorar
Ir às compras
Viajar
Dormir

7- Cinco coisas que não voltava a vestir...
Calças elásticas
All Stars
Roupa de malha (feita à mão)
Saias de pregas
Camisas de gola (Ups!!! Que vergonha!)

8- Cinco brinquedos favoritos...
Barriguitas
Pequeno Poney
Disco
Bota Botilde
Pin&Pon

9- cinco de desafiadas
Todas as que ainda não fizeram… Acho que devem ser muito poucas

segunda-feira, abril 17, 2006

Novidades de uma Páscoa bem recheada...

Na 5ª feira passada fui à pediatra e querem saber os comentários dela? Estou fantástica, não páro de crescer e respondo bem aos estímulos que me são dados. Meço 65 cm (Já tenho o dobro do tamanho de aundo nasci!) e peso 6520 gramas. Os pais pensavam que pesava mais, por causa da papa e da sopa, mas a verdade é que nos últimos quatro meses não tenho aumentado mais que 200 a 300 gramas por mês! mas também se aumento bem de comprimento não posso engordar muito, né?

Ainda não consegui descobrir a diferença entre o Natal e a Páscoa… A casa estava cheia de avós, primos e tios e recebi imensos presentes, tal como sucedera no Natal!!! Confesso que fiquei confusa!!! Não havia Bolo-Rei, mas havia sobre a mesa folares de toda a forma e feitio! Foi muito divertido! E sabem uma coisa? O coelhinho da Páscoa trouxe uma prenda muito, mas mesmo muito especial: um/a priminho/a! Este coelho às vezes esmera-se nas prendas que traz!!! Faltaram apenas três pessoas para esta Páscoa ter sido perfeita: o meu avô Zé, a minha tia Cristina e o meu tio Sérgio!!!

Neste fim-de-semana a mãe teve outra notícia muito boa e que nos deixou muito feliz: 4ª feira vamos ver o Bruno, meu coleguinha de incubadora. Foi com ele e com a Daniela (que vi este fim-de-semana a passear em Vilamoura e que está muito gira!) que passei mais tempo aquando da minha estadia na UCINeonatal! E, sem dúvida alguma, que foi com a mãe do Bruno que a mamã mais partilhou o que sentia durante todas aquelas longas horas que ambas passavam junto das nossas incubadoras. Iam almoçar juntas ao refeitório do Hospital, comprar roupinha de prematuro para nós e foram com o meu pai comprar o ovinho no dia antes da nossa saída…

Saímos os dois no mesmo dia do Hospital e eles regressaram a Paris, onde moram. Mas apesar da distância, elas têm comunicado regularmente para saber como nós estamos. Como eles estavam de férias resolveram vir a Portugal e vão fazer-nos uma visita. Assim a gente pode brincar muito um com o outro e contar o que temos feito desde a última vez que nos vimos, dia 28 de Outubro de 2005. Que fixe!!!

Outros mais bebés passaram por lá mas, graças a Deus, por menos tempo do que eu! Mas a mãe tem mantido o contacto com alguns deles: com a mãe da Daniela, da Naama, do Miguel Ângelo, do Dinis e dos gémeos Enzo e Lucas! E que bom é receber periodicamente boas notícias deles! Estão todos óptimos, grande e lindos!!!

Mal posso esperar por 4ª feira…

quinta-feira, abril 13, 2006

quarta-feira, abril 12, 2006

Sete meses...



E num ápice passaram sete mesinhos!!!
Sete meses intensos, cheio de coisas boas, de alegrias, de encantadores sorrisos e de contagiantes gargalhadas…
Sete meses que não começaram como a mamã e o papá sempre desejaram: sete longas e intermináveis semanas de internamento onde as emoções fervilhavam e os pensamentos voavam soltos entre amor, esperança, angústia e alguma frustração de nada puder fazer para ires depressa para casa com os papás!!!
Num abrir e fechar de olhos, fazes gracinhas, marotices, entoas os teus arrs, aguis, brrs como quem faz um discurso perfeitamente eloquente! Num abrir e fechar de olhos comes papa, sopa, frutinha… Cresceste e os pais que sempre se habituaram a ver-te pequenita experimentam-te roupa nova que acham que está grande e afinal, já está pequena!!!
Sete meses inesquecíveis e sem dúvida os sete meses mais intensos e felizes das nossas vidas!
E ao comemorares os sete meses ficas pela primeira vez com alguém sem ser a mãe ou o pai! A partir de hoje ficarás com as avós… A primeira de muitas vezes...

terça-feira, abril 11, 2006

Já passaram quinze dias...


E como passaram rápido estes dias com o meu papá!!! A licença de paternidade acaba hoje e amanhã será o primeiro em que vou ficar com outra pessoa sem ser a mamã ou o papá!!!
Estes 15 dias que passei com o meu pai foram muito divertidos! Ao início estranhei um pouco, mas depressa me habituei! Os dias passavam depressa, no meio de tanta brincadeira e diversão! O dia-a-dia não se alterou muito, continuei a dar os meus passeios da manhã e da tarde, a brincar muito e a fazer os meus sonitos reparadores ao longo do dia! A mamã vem todos os dias a casa para me dar a sopinha e para matar as saudades acumuladas numa manhã inteira sem me ver e, claro, aproveita para namorar um pouco com o pai!!!
O tempo passa depressa… Os seis meses e meio que estive com a mamã passaram num instante e estes quinze dias simplesmente voaram entre brincadeiras, passeios, novas descobertas… O papá inventa com cada coisa mais divertida!!!
Amanhã ficarei com a minha avó de Lisboa, que vem hoje para baixo para tomar conta de mim durante os próximos 15 dias. O mais provável é ter a mesma reacção que tive quando a mãe regressou ao trabalho: ficar triste, não sorrir, não dizer os meus arrs e brrs durante um dia! Afinal, esta vai ser a primeira vez que fico com alguém sem ser a mamã ou o papá, mas com as brincadeiras e os mimos da avó, habituar-me-ei depressa, vão ver!

E já agora, digam lá se não estou a ficar parecida com o papá??? Pelo menos é que toda a gente diz! A mãe não concorda (pois, pois!), mas também nunca foi boa a tirar parecenças…

quinta-feira, abril 06, 2006

Às vezes também me aborreço...



Quando tenho de fazer os exercícios da fisioterapia… e só quero colinho!
Quando não quero comer de colher… mas não tenho outro remédio!
Quando não consigo chegar aos bonecos… e eles estão mesmo ali a olhar para mim!
Quando não encontro a chupeta… Mas para onde é que ela foi?
Quando a música do mobile repete pela 1000ª vez… Mamã, vem mudar a música!!!
Quando acordo do meu soninho a meio da manhã… E estou sozinha no quarto!

Mas a verdade é que quando alguma destas coisas acontece, os papás vêm logo ter comigo e enchem-me de beijinhos e abracinhos bons… e as minhas zangas dão lugar a uns lindos e encantadores sorrisos!!! De vez em quando também tenho direito a aborrecer-me, não acham?

segunda-feira, abril 03, 2006

Novidade do fim-de-semana...



Olá amiguinhos! Então como foi o vosso fim-de-semana?
Querem saber novidades? Então aqui vai: já como sopinha!!! Não estranhei muito a sopa, até achei que sabe bem por isso comi-a todinha, não ficou nem um pedacinho no meu pratinho! Claro que fiz a birra do costume, afinal já é um ritual: as duas primeiras colheres como bem, depois choro durante uns dez minutos, até que me conformo que tenho de papar tudo e fico com cara de aborrecida até acabar de papar!!! A seguir à sopa veio a fruta e essa foi a parte que menos gostei… é verdade, não gosto de pêra! No dia seguinte a mãe deu-me banana e lá fui comendo melhor…. Agora vamos ver como vai ser com as outras frutas!
Pois é, o meu esquema alimentar foi alterado e eu ainda não vou muito com a cara da colher!!! Quero as maminhas da mãe!!! São muito melhores!!! Pelo menos enquanto mamo não faço fita, não choro, fico tão consoladinha! Mas a mamã pensa em tudo e, por isso, como ao longo do dia são três as refeições que não bebo o tão saboroso leitinho da mama (lanche da manhã, almoço e jantar), a mãe tira sempre o excedente com a bomba que é para não deixar de ter leitinho para mim. Afinal é um alimento muito importante para o meu desenvolvimento e a mãe quer continuar a tê-lo durante o maior tempo possível. Por isso, às refeições em que eu não mamo, ela tira com a bomba para continuar a ter leite e também, obviamente, para evitar os desagradáveis caroços no peito. Ainda bem que assim é! Só me faz é bem, não acham?
Esta semana vou ficar novamente com o meu papá! A licença de paternidade que ele está a gozar acaba de hoje a uma semana por isso ainda tenho mais uma semana de brincadeira… Que divertido que vai ser!!!